Óleos Vegetais Especiais

Óleo de Abacate
Persea americana

O óleo de abacate é rico em vitaminas antioxidantes como ácidos gordurosos A, E e antioxidantes naturais.

Entre as gorduras mais ativas, temos lecitinas, fitoesteróis (beta-sitoeterol especialmente) e gorduras monoinsaturadas.

Óleo de Açaí
Euterpe oleraceae

Alta concentração de antioxidantes, 33 vezes mais do que uva; Rico em ácidos graxos essenciais.

O óleo de Açaí apresenta-se como um novo ativo cosmético,
originário da Floresta Amazônica, que oferece inúmeros benefícios
para a manutenção do equilíbrio da pele.

Óleo de Amêndoa Doce
Prunus amygdalus Dulcis

A amendoeira, Prunus amygdalus Dulcis, é originária da África, da mesma família da pereira, macieira e do pessegueiro.

São achatadas, compridas e de cor amarela parda. Contém uma substância cuja consistência é dura, inodora e de sabor doce.

Contém de 20 a 25% de protídeos, além de ácido oleico. Pode ser usado como excelente emoliente para loções, cremes para o corpo e rosto, óleos para banho, cremes em geral.

Óleo de Amendoim
Arachis hypogaea

O óleo de amendoim prensado a frio, possui cor amarelada e agradável aroma de noz e sabor doce.

Quando o óleo é refinado torna se amarelo claro e tem sabor neutro, desprovido de alergênicos e impurezas.

Também é utilizado o óleo de amendoim torrado, o qual tem sabor e cor mais pronunciado. É usado para dar sabor a variados tipos de pratos, sendo regado sobre pratos, ou adicionado em molhos e marinadas.

Óleo de Semente Andiroba
Carapa guianensis

O óleo contido na amêndoa da andiroba é amarelo pálido e extremamente amargo. Quando submetido a temperaturas abaixo 25 ° C, solidies obtendo consistência semelhante à vaselina.

Contém substâncias como oleína, palmitina e glicerina. Isto tem anti-séptico, anti-inamatório,
e características de inseticidas.

Na indústria de cosméticos, o óleo é usado em sabões, shampoos e cremes. O óleo é tomado como remédio para a calvície. Também funciona bem como um solvente natural.

Óleo de Babassu
Orbignya phalerata

O óleo de Babassu tem a mais alta saponicação índice e o menor valor de iodo e refração entre todos os óleos vegetais industriais, o que faz com que é ideal para a fabricação de pomadas cremosas, difíceis de obter com óleos sem essas características. 

O óleo de Babassu tem emulsão e propriedades emolientes, sendo um ingrediente comum de cremes, loções, sabões de barra, condicionadores e óleos de banho, também devido à sua hidratação
propriedades.

Óleo de Buriti
Mauritia flexuosa

O nome Buriti vem do Tupi Guarani. Buriti na língua indiana significa “árvore que emite liquido” ou “árvore da vida”. Considerado sagrado pelos índios por providenciar tudo o que é necessário para a sobrevivência; abrigo, comida e objetos.

Nosso óleo é extraído da polpa, que possui composição graxa, rica em ácidos graxos insaturados (ácidos palmítico e oleico) e alta concentração de carotenóides, comportando-se como uma das fontes mais ricas de provitamina A, com alta concentração de tocoferóis, excelente atividade antioxidante e alta estabilidade oxidativa

Óleo de Café Verde
Coffea arabica

O óleo de café verde é obtido pressionando os grãos de café selecionados das variedades de café Arabica.

O óleo de café verde apresenta acima de 8% de compostos insaponificáveis, sendo praticamente 50% devido à presença de fitoesteróis, compostos que contribuem para a aumento de estabilidade das membranas e à hidratação da pele.

Além disso, os fitoesteróis possuem a função de restauração em pele danificada. Normalmente deve ser aplicado em formulações de cosméticos principalmente e telas solares em concentrações de 1 a 3%.
Os usos de cosméticos incluem cremes antienvelhecimento, regeneradores e desintoxicantes.

Óleo de Castanha do Brasil
Bertholletia excelsa

Nosso óleo de castanha brasileira tem sido utilizado principalmente pela indústria de cosméticos.

Também é usado como suplemento nutricional devido à sua alta conteúdo nutricional em ácido graxo essencial e conteúdo de fitosterol, sendo 30% de sua composição, omega-6.

Nosso processo de extração a baixa temperatura, permite que nossos óleos não se deteriorem, prejudicando a riqueza de suas propriedades.
O óleo de castanha do Brasil também é usado como lubrificante em relógios e base para tintas de uso artístico.

Oleo De Chia
Salvia hispânica L.

O Óleo de Chia tem se tornado cada vez mais importante para a saúde e nutrição humana por ser uma excelente fonte de ácidos graxos poliinsaturados (AGPI) como o ácido linoleico (LA, de 17 a 26%) e o alfa – linolênico (LNA, até 68%) (Ayerza e Coates, 2000).

É um poderoso hidratante e também ajuda a promover a formação de colágeno e elastina.

Óleo de Coco
Cocos nucifera

O óleo de coco é uma substância gordurosa que contém cerca de 90% de ácidos saturados.

Neste óleo são encontrados ácidos graxos essenciais e glicerol. Tem um alto teor de ácido láurico, ácido mirístico e ácido caprílico, entre outros.

Fundamentalmente, o óleo de coco é usado como um humectante.

Óleo de Graviola
Annona muricata

Graviola é uma planta há muito usada em medicina alternativa, especialmente por tribos indígenas em todo o Amazon Rainforest e parte do Caribe (América Central).

A fruta também é rica em carboidratos, especialmente frutose. Contém vitamina B1, B2 e C.

Óleo de Linhaça
Linum usitatissimum

O Óleo de Linhaça possui entre 50% e 60% de Omega 3 (ácido linolênico), de 11% a 18% de Omega 6 (ácido linoléico) e entre 13% a 20% de Omega 9 (ácido oléico).

Devido a sua ótima composição, ajuda a manter a pele saudável, restaurando a função barreira da pele. Atua como anti-inflamatório tópico. Aumenta firmeza e elasticidade da pele. Regenera as células.

Óleo de Macadamia
Macadamia integrifolia

Emoliente, Hidratante, Antienvelhecimento. Obtido das nozes de macadâmia. É a maior fonte vegetal de ácido palmitoléico (25%) e rico em ácido oléico (40%). É facilmente absorvido pela pele e cabelos lubrificando e mantendo o teor hídrico cutâneo. 

O Óleo de Macadâmia é originário da Austrália e obtido pelo processo de prensagem da noz da Macadamia ternifolia L. Tem coloração amarelo clara e com o refino torna-se ainda mais claro. Tem grande utilidade na indústria cosmética, pois é facilmente absorvido pela pele promovendo sensível maciez. Possui alto teor de ácido palmitolêico.

Óleo de Oliva
Olea europaea L.

O óleo de oliva é composto basicamente por gorduras, sendo 73% delas monoinsaturadas, principalmente ácido oleico, 14% de saturadas e pouco mais de 10% de poli-insaturadas.

Evita os danos do estresse oxidativo também sobre as células da pele, ajudando no combate aos sinais da idade e proporcionando uma pele mais jovem e saudável. A vitamina E e outros componentes são os responsáveis por essa ação.

Maracujá
Passiflora edulis

O óleo de semente de maracujá é pressionado a partir das sementes do maracujá. É rico em ácidos graxos essenciais, atua como anti-inflamatório e acalma a pele irritada. O óleo não parece ser gorduroso.

É um óleo suave e não viscoso, usado para amolecer, proteger e hidratar a pele. Com aproximadamente 70% de ácido linoleico (ácidos graxos poliinsaturados omega-6), o óleo de maracujá contém antioxidantes e pode ser usado para melhora a elasticidade da pele e também pode ser usado em produtos que suavizam o cabelo e tratam-se a seco o couro cabeludo.

Óleo de Milho
Zea mays

O óleo de milho é um óleo comestível saudável que usamos comumente na nossa cozinha, como óleo de canola ou óleo de cártamo.

O óleo de milho é um óleo bastante saudável porque é composto principalmente de ácidos graxos poliunsaurated (PUFAs) e baixo teor de gorduras saturadas. Também é usado em cuidados com a pele e cuidados com o cabelo, além de muitos outras aplicações industriais.

Óleo de Semente de Cumaru / Tonka Beans
Dipteryx odorata

As sementes do cumaru são fermentadas e usadas para picadas de cobra, cortes na pele, contusões, tosse e reumatismo.

Na medicina herbal, o cumaru é considerado possuir propriedades antiespasmódico, cardiotônico e ações anti-asmáticas. Age também como fixadora de essências e é utilizado com o propósito na perfumaria.

Óleo de Patauá
Oenocarpus pataua

Rico em ácido oleico (76%), análogo ao óleo de oliva (Olea europaea), ácidos gordos insaturados> 80%.

O óleo extraído do mesocarpo do fruto patauá aparece como um líquido amarelo esverdeado transparente com um odor ligeiramente pronunciado e sabor semelhante ao do azeite (Olea europaea), bem como a sua aparência física e composição de ácidos graxos. Seu alto grau de ácidos graxos não saturados é notável.

Óleo de Pequi
Caryocar brasiliense

O óleo de Pequi, Caryocar braziliensis, possui uma combinação única de ácidos graxos essenciais e é altamente emoliente, tornando-se efetivo hidratante para produtos destinados a curar pele seca e rachada, eczema e psoríase. Também pode ser usado na produção de sabões especiais
destinado a ajudar as condições da pele. 

Quando usado em formulações de cuidados com o cabelo, o óleo de pequi ajuda a suavizar a cutícula do cabelo para aumentar a suavidade e brilhar e diminuir frizziness.

Óleo de Pracaxi
Pentaclethra macroloba

O óleo é obtido pelo processo de prensagem a frio das sementes, sem adição de solventes e nenhum tipo de produto químico. Assim, permitindo manter preservada as propriedades da fruta para uso cosmético.

O óleo de semente Pracaxi tem sido usado por gerações para o tratamento de manchas cutâneas, despigmentação, acnes severas e cicatrizes de acne, ajuda a hidratar e promover a renovação celular.

Ajuda na prevenção de estrias. Ideal para tratar infecções de pele. 

Útil no tratamento de pele seca e cansada, para evitar rugas e marcas de pigmentação acelerando o processo de cicatrização. Adequado para todo tipo de pele.